segunda-feira, 7 de julho de 2014

Com patrimônio de R$ 13 milhões, Marinaldo bate concorrentes em Serra Talhada

 
O ex-prefeito de Timbaúba, Marinaldo Rosendo (PSB), candidato a deputado federal, saiu na frente no quesito patrimônio registrado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Apoiado pelo ex-prefeito de Serra Talhada, Carlos Evandro (PSB), Marinaldo revelou ao TRE um patrimônio de R$ 13.026,174,80 batendo todos os concorrentes que vão cabalar votos em Serra Talhada.
Na vasta relação de bens do candidato constam loteamentos, empresas de transportes e bebidas, empresa de rádio e locação de veículos, motos aquáticas e até uma carroça no valor de R$ 500. Curiosamente, Marinaldo Rosendo não revelou a estimativa de gastos de campanha.
Na segunda colocação aparece o petebista Zeca Cavalcanti. Médico e ex-prefeito de Arcoverde, o candidato tem o apoio do deputado Augusto César (PTB) em Serra Talhada. O petebista declarou uma relação de bens no valor de R$ 1.305,263,03. Dez vezes menor que a relação de Rosendo. Por outro lado, Zeca revelou uma estimativa de gastos de R$ 4 milhões.
O terceiro colocado é o também socialista Fernando Filho (PSB), candidato a reeleição que em Serra Talhada conta com o apoio do presidente da Câmara de Vereadores, José Raimundo Filho (PTB). Fernandinho, como é mais conhecido, declarou um patrimônio de R$ 1.102,909,97, mas não revelou estimativas de despesas.
Logo em seguida aparece Pedro Eugênio (PT), com um patrimônio de R$ 876.233,77. Eugênio que terá o apoio do prefeito Luciano Duque, declarou que irá gastar R$ 3 milhões durante a campanha.
Na lanterna vem o deputado estadual Sebastião Oliveira (PR) que registrou um patrimônio de R$ 415. 556,40. ‘Sebá’ também não revelou quanto será gasto nas eleições 2014.

Fonte: Farol de Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário