sexta-feira, 13 de junho de 2014

Na sexta-feira 13, Holanda aterroriza a Espanha e exorciza fantasma


A Holanda pareceu ter todos os santos da Bahia a seu favor nesta sexta-feira 13, dia estigmatizado pela crendice popular. Com a torcida local reforçando a marcação ao atacante Diego Costa, o time dirigido por Louis van Gaal estreou na Copa do Mundo do Brasil com uma vitória por 5 a 1 sobre a atual campeã Espanha, de virada, e exorcizou o fantasma da derrota para o mesmo adversário no último Mundial.
Desde o princípio da reedição da final de 2010, a Holanda contou com um reforço na sua marcação sobre Diego Costa, que não recebeu perdão do público da Arena Fonte Nova por ter escolhido a Espanha para defender. Ainda assim, foi o brasileiro quem sofreu o pênalti convertido por Xabi Alonso aos 26 minutos do primeiro tempo. Pouco antes do intervalo, Robin Van Persie igualou o placar com uma bela cabeçada.
Na etapa complementar, a Holanda deixou completamente de lado a Espanha e qualquer assombração que estivesse em seu caminho na capital da Bahia. O gol salvador, que deixou a vice-campeã mundial em vantagem definitiva, foi de Arjen Robben. Mais tarde, De Vrij, Van Persie (em grande falha do goleiro Casillas) e novamente Robben (um golaço) acabaram com as esperanças espanholas e transformaram a vitória em goleada.
O primeiro resultado elástico da Copa do Mundo de 2014 deixou a Holanda com três pontos e na liderança do grupo B, que também conta com Chile e Austrália. Os holandeses tentarão dar sequência ao bom momento contra os australianos, às 13 horas (de Brasília) da quarta-feira 18, no Beira Rio. No mesmo dia, mas às 16 horas, os espanhóis buscarão a reação contra os chilenos, no Maracanã.

Da Redação do Blog do Jair Ferraz

Nenhum comentário:

Postar um comentário