CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

sexta-feira, 10 de julho de 2015

Tacaratu: Cine Sesi Cultural 2015 chega a cidade neste final de semana (10 a 12/06/2015)



Projeto leva cinema de qualidade a 40 cidades do interior de
Pernambuco. Apresentações acontecem de maio a outubro



São 14 anos de estrada, aportando em 665 cidades de 12 estados do Brasil, juntando mais de 4,7 milhões de pessoas para ver cinema na praça. Esses números dão uma idéia do lastro do Cine Sesi Cultural, mas são insuficientes para refletir o encantamento de quem tem contato com a tela grande pela primeira vez.
A formação de platéia é uma das suas principais missões do projeto. E é com essa pegada que o projeto volta a Pernambuco, com a proposta de levar cinema de qualidade a 40 cidades do interior do Estado. As apresentações acontecem neste final de semana, de 10 a 12 de julho, na cidade de Tacaratu, no Sertão. O acesso às projeções é sempre gratuito.
A escolha dos longas é pautada pelas seguintes exigências: filmes com bom padrão de qualidade técnica e de conteúdo, tendo a sexta-feira como espaço para a comédia, o sábado voltado para a reflexão e o domingo para o encontro da família; filmes que fazem parte da produção de cinema nacional prioritariamente ou que valorizem profissionais brasileiros; filmes que caibam na indicação de todas as idades (levando em consideração o fato de as exibições serem ao ar livre, filmes indicados para o público acima de 14 anos não podem ser selecionados); filmes que priorizem não somente o divertimento dos espectadores, mas a formação de platéias inteligentes; por fim, filmes que estejam liberados para as projeções do Cine Sesi.
Mas, o Cine Sesi não trata apenas de exibir filmes. O projeto também leva oficinas de cinema e animação para algumas cidades contempladas no projeto. Os curtas produzidos pelos alunos são exibidos na telona, na sua cidade e em outras. No total, o Cine Sesi percorrerá quarenta cidades do interior pernambucano, com apresentações às sextas, aos sábados e aos domingos, quando serão sempre exibidos curtas e longas metragens. O projeto teve início em maio e se estende até meados de outubro.

HISTÓRICO
O Cine Sesi Cultural é um projeto patrocinado pelo Sesi. O projeto já passou por mais de 665 cidades, algumas delas mais de uma vez, do interior de 12 estados do País, atingindo mais de quatro milhões e setecentas mil pessoas desde 2002 até hoje. Gente que, na sua grande maioria, nunca tinha visto cinema na vida. O acesso às projeções é sempre gratuito. Nesse ano de 2015, o Cine Sesi completa 14 anos de estrada e volta a Pernambuco. É a 11­ª edição do projeto no estado, envolvendo 105 municípios e um público de mais de 1 milhão de pessoas.

SERVIÇO:
CINE SESI 2015

TACARATU
Local: Pátio de Eventos

Data:
10 a 12 de julho de 2015, a partir das 18h.

FILMES:
 
Curtas
Sex: Salu e o Cavalo Marinho
Sáb: Pimenta
Dom: Leonél Pé Vento

Longas
Sex: Cine Holliúdy
Sáb: A Busca
Dom: Os Croods

RESUMOS DOS FILMES

CURTAS:

SALU E O CAVALO MARINHO
O filme conta a história de Mestre Salustiano, um dos artistas populares mais famosos do Brasil. Filho do rabequeiro, João Salustiano, começou logo cedo o sonho de participar de um grupo de Cavalo Marinho, folguedo típico da região onde mora. O curta é dirigido e produzido por Cecília da Fonte e Marcos Buccini. O roteiro da animação é de André Muhle e Cecília da Fonte.

PIMENTA:
O curta-metragem Pimenta, dirigido por Eduardo Mattos, é uma evocação nostálgica de um episódio da infância do diretor, que narra de forma poética e bem humorada uma história em torno da reconciliação de um filho com a figura paterna. No elenco, destaque para a presença de Sandra Corveloni, vencedora da Palma de Ouro de melhor atriz no Festival de Cannes com Linha de Passe, de Walter Salles e Daniela Thomas.

LEONEL PÉ DE VENTO:
Leonel Pé-de-Vento é um curta-metragem em animação com direção de Jair Giacomini. O projeto foi promovido pelo Ministério da Cultura em 2004. A produção começou em 2005 e foi finalizada em julho de 2006. Leonel nasceu pé-de-vento e por isso vive isolado. Quando Mariana se aproxima dele, os dois descobrem a importância da amizade e da convivência com as diferenças.

LONGAS

CINE HOLLIÚDY
Interior do Ceará, década de 1970. Marcado pelo senso de humor único dos cearenses, o Cine Holliúdy é inspirado no curta-metragem, premiado nacional e internacionalmente. Cine Holiúdy – O Astista Contra o Caba do Mal”. A popularização da TV permitiu que os habitantes da cidade desfrutassem de um bem até então desconhecido. Porém, o televisor afastou as pessoas dos cinemas. É aí que Francisgleydisson entra em ação. Ele é o proprietário do Cine Holiúdy, um pequeno cinema da cidade que terá a difícil missão de se manter vivo, como opção de entretenimento.

A BUSCA
Um pai – o médico Theo Gadelha, 35 anos – é obrigado a jogar-se na estrada em busca de seu filho Pedro que desaparece no fim de semana em que completaria 15 anos. O repentino e inexplicável sumiço do filho é a última carta a desabar no castelo de Theo. Seu casamento de 15 anos com Branca acaba de ruir. Theo saiu em busca do filho, mas acaba encontrando seu pai, com quem não fala há vários anos. De cara para o pai, enxerga a si mesmo, redescobre o filho e se desarma com a mulher que nem por um momento deixou de amar. O longa conta com a direção de Luciano Moura, produção de Fernando Meirelles e Andrea Barata e roteiro de Elena Soarez. No elenco, Wagner Moura, Lima Duarte, Brás Moreau Antunes e Mariana Lima.

OS CROODS
A animação da DreamWorks Animation trata as histórias de uma família pré-histórica, escondidos na maior parte do tempo dentro de uma caverna. A família é composta por: Grug, a esposa Ugga, a vovó, o garoto Thunk, a pequena e feroz Sandy e a jovem Eep. O problema é que Grug, o patriarca, é rígido com as regras que fizeram a família sobreviver durante tanto tempo no mundo, ele morre de medo do mundo exterior. A direção e o roteiro é de Chris Sanders e Kirk DeMicco.

Fonte: E-mail para o contato do Blog do Jair Ferraz