CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

segunda-feira, 29 de junho de 2015

Delegada deve ouvir nesta semana pessoas que tiveram contato com padrasto de Maria Alice

Gleide tem até sexta-feira para fechar o inquérito. Foto: Paulo Paiva/DP/D.A Press

A delegada Gleide Ângelo, responsável pela investigação sobre o sequestro, estupro e assassinato da jovem Maria Alice Seabra de Arruda, vai ouvir nesta semana as pessoas que tiveram contato com Gildo Xavier, padrasto da vítima que confessou o crime.
 
Maria Alice desapareceu na sexta-feira (19). Seu corpo foi encontrado na última quarta (24), em um canavial no Engenho Burro Velho, em Itapissuma. Foto: Julio Jacobina/DP/D.A Press

Todas as pessoas que tiveram contato com o suspeito - desde o momento em que ele saiu de Gravatá no dia 19, quando sequestrou e matou a enteada, até chegar ao Recife - deverão ser ouvidas. No depoimento em que confessou os crimes, ele disse que conversou com o patrão e com um amigo que o ajudou a alugar o carro utilizado. Depois disso, seguiu para o Recife, onde colocou uma película no veículo.
Como o acusado se entregou no dia 23, a polícia tem até o 3 de julho para concluir o inquérito.

Fonte: Diário de Pernambuco