CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

quarta-feira, 10 de junho de 2015

1ª CIPM de Belém do São Francisco apreende munição de uso restrito, e prende suspeito de assalto a bancos.




No dia de ontem, terça feira 09/06, policiais militares da 1ª CIPM de Belém do São Francisco, Equipes do GATI e NIS-II, realizando rondas de rotina com abordagens pessoais, na localidade conhecida por Ibó, zona rural de Belém do São Francisco, se depararam com um veículo da marca Toyota, tipo Corolla XRS, cor preta, e placa PRF-2812-BA, onde o condutor do referido veículo, ao perceber a aproximação da polícia militar, tentou empreender fuga, porém sem êxito, e foi interceptado cerca de 500 metros.
Na abordagem policial, constatou-se que o motorista era uma pessoa conhecida pelo vulgo de “Pitoco”, e a passageira era a sua namorada, irmã de um tal de “Rafinha”, que inclusive cumpre prisão no estado do Maranhão por assalto a banco.
Após uma minuciosa revista no veículo, para surpresa da Equipe Policial Militar da 1ª CIPM, foi achado um uniforme completo da Policia Militar de Pernambuco, como também 10 (dez) gramas de maconha, 01 (um) carregador para pistola calibre .40 (ponto quarenta) com capacidade para 10 (dez) munições, e 11 (onze) munições intactas do calibre .40 (ponto quarenta).
Sendo o motorista “Pitoco” questionado sobre o achado no interior do veículo, ele alegou que não sabia a quem pertencia a droga e os outros achados.
Após levantamento de informações, foi constatado que o mesmo já esteve preso por tráfico, e atualmente se encontra na condicional, e que segundo informações recebidas pelos policiais, ele também é suspeito de participar de assaltos a bancos na região, inclusive participação no assalto ao Banco do Brasil da cidade de Orocó.
Policiais do NIS-III e do GATI da 2ª CIPM deram apoio aos policiais da 1ª CIPM.
As duas pessoas detidas, e o material apreendido, foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil de Plantão na cidade de Floresta, onde foi registrado um Boletim de Ocorrência, e o caso foi repassado à autoridade policial civil, delegado de polícia Dr. Jairo, para serem tomadas as providências legais cabíveis. Uma das providencias foi à autuação em flagrante delito do “Pitoco”, por posse de munição de uso restrito, posse de entorpecente, e direção perigosa.