CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

domingo, 31 de maio de 2015

Estudante de direito Vaniela Gomes é encontrada pela polícia, e está bem!


Com colaboração de Nathan Santos

Desaparecida desde a última quarta-feira (27), a estudante de Direito Vaniela Oliveira Gomes da Silva, 26, foi encontrada pela polícia neste sábado (30). A jovem está bem e já teve contato com familiares. As informações iniciais dão conta de que jovem foi deixada por um carro, ainda sem identificação, na BR-101, próximo a um 'ferro velho'. Lá, ela teria atravessado para uma comunidade próxima, onde foi acolhida por populares. De lá, a estudante conseguiu fazer contato com a mãe, Marli Varela, que com a ajuda de um vizinho, conseguiu buscá-la no local. Após encontrar a mãe, Vaniela foi levada ao encontro da delegada responsável pelo caso, Gleide Angelo, que colheu depoimento da universitária na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no bairro do Cordeiro. No local, amigos e parentes aguardavam com ansiedade a saída de Vaniela.

ALÍVIO PELO APARECIMENTO DE VANIELA E A INCERTEZA DA CAUSA.

Por Nathan Santos

A sede da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no bairro do Cordeiro, Zona Oeste do Recife, foi tomada por muita emoção na madrugada deste domingo (31). Amigos e parentes da estudante de Direito Vaniela Gomes da Silva, 26, desaparecida desde a última quarta-feira (27), esperaram com muita ansiedade a jovem depor para a delegada Gleide Angelo, após ser encontrada no final da noite deste sábado (30). Depois do depoimento, Vaniela recebeu calada e chorando o carinho dos amigos. Ainda não se sabe o motivo do desaparecimento.
A delegada, tomando muito cuidado para que Vaniela não repassasse informações que acabassem prejudicando as investigações, agradeceu o apoio dos amigos da estudante. “Obrigada! Vocês são maravilhosos. Que Deus abençoe todos nós”. Porém, sobre a investigação em si e, principalmente, a causa do sumiço, Gleide não divulgou nenhum detalhe.
Segundo o vizinho da família de Vaniela que ajudou a mãe da jovem a encontrá-la próximo a um ferro-velho, na BR-101, em Jaboatão dos Guararapes, ela foi deixada, não se sabe por quem, nas mediações da via. A jovem foi acolhida por populares da área, que também não souberam explicar como ela foi parar no local. “No carro ela só chorava e abraçava a mãe. A mim ela não contou nada”, disse o vizinho que preferiu não se identificar.
O pai de Vaniela, o trabalhador de obras Daniel Gomes, se mostrou muito aliviado com o aparecimento e garantiu que ela não está machucada. “Agora o coração está mais tranquilo, graças a Deus. Ela não está tão bem assim, mas diante das circunstâncias a gente só tem a agradecer”, declarou o pai.
Depois de receber o carinho dos amigos e parentes, Vaniela foi acompanhada da delegada para o Instituto de Medicina Legal (IML), no bairro de Santo Amaro, área central do Recife. Lá, ela deve passar por alguns exames e só depois ficará sob a responsabilidade da família. A mãe de Vaniela, Marli Varela, ficou na sede da DHPP esperando a jovem voltar dos exames. Até o fechamento desta matéria, a delegada não divulgou informações concretas sobre o motivo do desaparecimento.

Fonte: Leia Já (Tudo que você precisa saber)