CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

domingo, 15 de março de 2015

Venturosa – PE: Guardas Municipais de Petrolândia participam da 3ª Marcha de Guardas de Pernambuco.

Guardas Municipais de Petrolândia - PE

Guardas Municipais de Petrolândia - PE





 
Por Jair Ferraz
 
Guardas Municipais de 27 cidades de três Estados do Nordeste (Pernambuco, Alagoas, e Sergipe), participaram da 3ª Marcha de Guardas Municipais, que aconteceu no dia 13 de Março/2015, sexta-feira passada, na cidade de Venturosa, Sertão do Estado de Pernambuco.

Os Guardas Municipais de Petrolândia agradecem todas as pessoas que deram apoio, e contribuíram para que participassem da Marcha na cidade de Venturosa, principalmente nossos sinceros agradecimentos ao Vereador Fabiano Marques, Presidente de Câmara Municipal de Vereadores de Petrolândia, que doou o transporte.

“O que é Guarda Municipal? É a presença de um agente público nas ruas, e que ele chega antes que o crime aconteça. Que história é essa da polícia chegar depois do crime feito?! Sendo assim ninguém precisa da polícia. Não queremos brigas com ninguém, queremos nosso espaço para trabalhar em conjunto e ter uma Petrolândia sem violência.”

Conheça um pouco da Lei nº 13.022, de 8 de Agosto de 2014, o Art. 3º diz que “são princípios mínimos de atuação das guardas municipais”:

I - proteção dos direitos humanos fundamentais, do exercício da cidadania e das liberdades públicas;
II - preservação da vida, redução do sofrimento e diminuição das perdas;
III - patrulhamento preventivo;
IV - compromisso com a evolução social da comunidade; e
V - uso progressivo da força.

As competências do guarda municipal estão especificadas no Art. 5º, o qual diz que: deve-se “zelar pelos bens, prevenir, inibir e coibir infrações penais; proteger os bens, serviços e instalações municipais; participar de ações conjuntas; proteger o patrimônio ecológico, histórico, cultural, arquitetônico e ambiental do Município; encaminhar ao delegado de polícia, diante de flagrante delito, o autor da infração, preservando o local do crime, quando possível e sempre que necessário”.

Os Guardas Municipais de Petrolândia esperam que a atual Administração Municipal, usando de suas atribuições legais, faça com que a Lei seja aplicada o mais rápido possível. Há uma “gritante” necessidade da população local, principalmente no tocante ao patrulhamento preventivo através de ações conjuntas. Há relatos de roubos, furtos, assaltos, e outros. Eles, os guardas, querem desenvolver suas atividades conforme manda a Lei, e sem solução de continuidade.

O que os guardas querem hoje? Sentar numa mesa de reunião com o Prefeito do Município de Petrolândia, e discutir objetivos concretos.

Na “Marcha” na cidade de Venturosa, pôde se vê que os prefeitos da maioria das cidades estão investindo na guarda municipal, para servir toda comunidade, e que só não depende do prefeito, e sim dos três poderes. Na “marcha” o resultados foram proveitosos, quando os guardas de Petrolândia puderam ver que muitas cidades, até mesmo menores que a nossa, já estão com a instituição pública toda organizada, em plena atividade, e agindo dentro da legalidade.

Acredita-se que falta muito pouco para acontecer em Petrolândia a mesma coisa que aconteceu nas outras cidades.

Os problemas de segurança em Petrolândia são idênticos a muitas cidades de uma população menor ou maior, a única diferença é a falta de força de vontade política, a qual só aparece pouco antes das eleições.

“Neste momento os Guardas Municipais de Petrolândia estão se sentindo órfãos, e com a humildade de um funcionário público, estão estendendo o tapete, e finalmente jogando a toalha no chão”.