CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

terça-feira, 24 de março de 2015

Petrolândia: Casal fica ferido após colisão na BR-316.



Por Jair Ferraz.

 
Aproximadamente às 19:00 horas desta Segunda-Feira dia 23/03/2015, dois veículos, um Fiat Uno e um Sandero, chocaram-se de frente quando trafegavam em sentindo contrário pela BR-316, entre as cidades de Petrolândia e Floresta, Pernambuco. O acidente aconteceu no km 352, no município de Petrolândia, próximo ao acampamento dos “sem terras”, antes da “lanchonete” dos Mandantes, 40 km do Posto da Polícia Rodoviária Federal na cidade de Floresta.

Com a colisão, o Fiat que seguia na direção a Floresta, e que estava indo para a Agrovila 10 dos Mandantes, zona rural do município de Petrolândia, caiu em um barranco, e ficou totalmente avariado. O motorista do Fiat, e a sua esposa que viajava no banco da frente, ficaram presos às ferragens, e chegaram a desmaiar, e foram retirados pelo Corpo de Bombeiros do Posto de Petrolândia, que fez o socorro para a emergência do Hospital Municipal Dr. Francisco Simões de Lima, aonde as vítimas chegaram conscientes. A mulher apresentando graves ferimentos na cabeça foi encaminhada para hospital especializado em visão, e o homem para outro hospital em Recife.

Procuramos preservar a identidade do casal acidentado, mais informamos que o homem tem 31 anos, e a mulher tem 26 anos de idade, e não apresentam risco de morte.

Uma criança que viajava no banco traseiro do Fiat, só não ficou gravemente ferida, em primeiro lugar por milagre de Deus, e em segundo lugar porque estava usando a “cadeirinha” recomendada pela legislação de trânsito.

Segundo um patrulheiro da Policia Rodoviária Federal, do Posto de Floresta, a ultrapassagem é uma das manobras mais perigosas no trânsito, causa de muitos acidentes graves, inclusive com mortes. Este acidente, que graças a Deus não teve vítima fatal, pode ter acontecido por uma ultrapassagem mal feita. Evite ao máximo fazer ultrapassagens, principalmente à noite, que é necessário o uso de faróis.

Os passageiros que viajavam no outro veículo, o Sandero, e que vinham da cidade de Fortaleza, Ceará, sofreram apenas arranhões e escoriações leves.

Segundo populares que se encontravam na frente da emergência do Hospital Municipal de Petrolândia, após a colisão, o Fiat que caiu no barranco, ficou tão amassado que mais parecia um “maracujá”.

Foi feito teste do bafômetro nos motoristas dos dois veículos, e o resultado apresentado foi negativo.