CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Aprovados no concurso da Polícia Militar protestam no Recife


Os aprovados no último concurso da Polícia Militar se reuniram na manhã desta quarta-feira (14) no Centro do Recife para pedir a convocação de novos soldados. O grupo saiu do Parque 13 de Maio, em Santo Amaro, em direção ao Palácio do Campo das Princesas para pedir ao governador Paulo Câmara que honre o compromisso de campanha de convocar os aprovados. Realizado em 2009, o concurso da PM aprovou cerca de 3.500 candidatos na primeira fase.
O protesto é realizado um dia antes da solenidade que vai oficializar o remanejamento de 177 policiais militares para as áreas de Jaboatão dos Guararapes e Moreno. Os oficiais sairão de áreas como o 16º Batalhão, que abrange o Centro do Recife, para os municípios, que obtiveram resultados insatisfatórios no programa Pacto pela Vida.
Sobre o deslocamento do efetivo policial, o grupo de aprovados no concurso entende que haja uma necessidade do governo em querer sanar uma deficiência de uma maneira mais rápida, mas chama a atenção para o compromisso de Paulo Câmara durante a campanha. "Se tem um concurso vigente, com possibilidade de convocação, por que não aproveitar?", questiona o soldado da PM Gelton dos Passos, integrante do movimento. Outras questões são postas em pauta pelos manifestantes, como o gasto necessário para realização de um novo concurso e a dificuldade na segurança de áreas perigosas. "É interessante observar que, se o efetivo de uma área for reduzido, o índice de criminalidade pode aumentar", aponta o soldado.
No dia 2 de janeiro, o governador Paulo Câmara anunciou que pretende fazer um novo concurso público para as polícias Civil e Militar ainda em 2015. Como firmado em campanha, o governador também deixou claro que todos os aprovados no concurso de 2009 serão convocados.


Fonte: NE10