CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Belém do São Francisco: Em Operação Policial Militar são destruídos 120 mil pés de maconha, apreendido arsenal de armas, e realizada prisão nas ilhas do Rio São Francisco.




Por Jair Ferraz

Começou sábado passado dia 22/11/14, nas “ilhas do Rio São Francisco”, nos municípios de Belém do São Francisco e Cabrobo, uma operação policial no combate e erradicação de drogas, com a destruição de roças da cannabis sativa (maconha), apreensão de drogas (maconha) prontas para o consumo, prisões de envolvidos na plantação e tráfico de drogas (maconha), e apreensão de armas.
A operação policial foi desenvolvida pela 1ª CIPM, 4ª CIPM, NIS-2, Malhas da Lei, 2ª CIP, 3º GB de Serra Talhada, 8º BPM, Gati.
Os trabalhos policiais militares nesta operação, que foram iniciados no dia 22/11, foram concluídos com total êxito na quarta feira dia 26/11.

A história é a seguinte:
Na Fazenda Talhado, de propriedade de Luiz Torres de Sá, vulgo “Luiz Davi”, foi levantado pelo Núcleo de Inteligência Setorial – NIS-2, que existia uma grande quantidade de maconha, como também citava seus filhos como envolidos em várias ações criminais, como por exemplo: um assalto na estrada à um ônibus de uma empresa de transporte coletivo, e segundo as vítimas os assaltantes usavam coletes à prova de balas, estavam armados com fuzis, usavam tocas ninjas, e mencionavam assaltos à bancos nos estados de Pernambuco e Bahia, como também o aluguel de armas de grosso calibre para praticar crimes.
Quando em deslocamento para a Fazenda Talhado, os policiais abordaram Azineto Firmo Torres, que segundo informes, no bando, ele era um dos responsáveis pelo plantio da “erva maldita” (maconha), onde o próprio, mostrou o caminho, e levou os policiais até a “fazenda”.
Após buscas na área da propriedade, foi encontrado embaixo de uma árvore 08 (oito) sacos de maconha prontas para o consumo, totalizando 128 kg da droga, e 928 gramas de semente, e bem próximo daquele local foi encontrado um farto arsenal bélico, inclusive com armas de uso restrito, que estava escondido debaixo de uma lona plástica. Não apresentaram nenhum registro das armas apreendias.
De imediato foi dada voz de prisão aos envolvidos, os quais juntamente com todo o material apreendido, sem sofrerem nenhum tipo de agressão física ou moral, foram conduzidos a Delegacia de Polícia Civil de Plantão, onde foi registrado o Boletim de Ocorrência, e depois foi lavrado pela autoridade policial civil, o auto de prisão em flagrante.
Várias buscas e incursões foram realizadas com o objetivo em capturar e prender outros envolvidos deste caso.
Foram erradicados 120.000 (cento e vinte mil) pés de Cannabis Sativa (maconha), apreendidos 761 quilos de maconha, apreendidas 22,228 quilogramas de semente de maconha, foi apreendida uma prensa hidráulica para fazer os “tijolos” de maconha, e foi cumprido um mandado de prisão.
Ainda foram apreendidos: 03 fuzis calibre 762, 01 rifle calibre 44, 01 rifle calibre 22, 31 munições calibre 762 (intactas), 17 munições calibre 7mm (intactas), 20 munições calibre 12 (intactas), 10 munições calibre 32 (intactas), 04 munições calibre 9mm (intactas), 02 coletes à prova de balas, 06 tocas ninjas, e 01 par de luvas preta.

Informações da 1ª CIPM