CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

CONTATOS PARA ANÚNCIO: thiagoferraz@outlook.com.br

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Ação do governo levará água a comunidades rurais em Pernambuco


Já estão em andamento as obras dos sistemas de abastecimento de água de comunidades rurais do Sertão de Pernambuco.
Os serviços estão sendo executados pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), por meio de sua 3ª superintendência regional, em Petrolina, com investimentos da ordem de R$ 11,4 milhões.
Os recursos foram repassados à Codevasf pelo Ministério da Integração Nacional no âmbito do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).
Do total investido, aproximadamente R$ 3 milhões já foram aplicados. Mais de 11 mil famílias serão beneficiadas com a obra.
Os sistemas beneficiarão comunidades rurais de Cabrobó, Itacuruba, Petrolândia, Tacaratu e Jatobá, municípios que integram a área de abrangência da Codevasf no estado.
Os serviços correspondem à segunda etapa da obra. De acordo com o contrato, o prazo previsto para a conclusão de instalação dos sistemas é de 540 dias contados a partir da assinatura da ordem de serviço.
“Esta é uma das principais obras na área de infraestrutura hídrica que a Codevasf vem executando em sua área de atuação em Pernambuco. Uma ação de grande importância para as comunidades beneficiadas”, disse o gerente regional de revitalização de bacias da 3ª SR, Elijalma Augusto Beserra.
Segundo Beserra, ao todo serão sete sistemas construídos, os quais contarão com seis captações flutuantes, mais de 21 mil metros de adutora, uma estação de tratamento convencional e quatro compactas, 37 mil metros de adutora de água tratada, oito reservatórios em concreto armado e cinco metálicos com capacidade para receber 1.220 metros cúbicos de água.

Água tratada
Ainda estão incluídas no sistema, sete estações elevatórias de água tratada, mais de 102 mil metros de redes de distribuição, além de 1.900 ligações domiciliares.
“São 5 mil metros de distribuição de rede, 6 mil metros de adutora e 30% dos reservatórios já erguidos. Esse volume de serviço corresponde a aproximadamente 5% de todo o sistema”, acrescentou.
O primeiro sistema ficará na comunidade de Santa Rita, município de Jatobá. Os trabalhos incluem a instalação da captação flutuante; conclusão de assentamento de adutora e rede de distribuição e ligações domiciliares.
Será ainda construída a estação de tratamento de água e o reservatório metálico, beneficiando 360 famílias.

Fonte: Portal Brasil