quarta-feira, 20 de março de 2013

Ladrões confundem máquina de senha com caixa eletrônico em Olinda

Máquina de senhas foi arrombada
(Foto: Kety Marinho/TV Globo)

Três homens armados renderam os seguranças da Secretaria de Fazenda e Administração de Olinda na madrugada desta quarta-feira (20). Eles abriram com um maçarico um equipamento que distribui senhas, possivelmente achando que se tratava de um caixa eletrônico. No corredor havia um caixa eletrônico, mas ele ficou intacto. Os assaltantes fugiram.
Havia seis homens cuidando da segurança do local – três guardas municipais e três vigias. Segundo um dos vigilantes, que não quis se identificar, os seis foram trancados em banheiros químicos na garagem do prédio durante a ação.
“Eles bateram na gente, mas não levaram nada nosso. Diziam que queriam só dinheiro”, afirmou. Ele contou que, para entrar no local, os homens renderam um guarda municipal que estava na calçada. O vigilante contou ainda que ele e os demais colegas esperaram o movimento acalmar para sair dos banheiros e pedir ajuda.
Em nota, a Prefeitura de Olinda informou que nada mais foi danificado ou roubado durante a invasão. A Secretaria está funcionando normalmente nesta quarta-feira e o registro da ocorrência foi realizado na Delegacia de Roubos e Furtos, em Afogados.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

TERMOS E CONDIÇÕES PARA PUBLICAÇÃO DE COMENTÁRIOS:

Não serão publicados comentários que:
1. Sejam obscenos ou de linguagem erótica e grosseira;
2. Violem direitos de terceiros;
3. Tenham conotação de propaganda;
4. Demonstrem racismo ou promovam qualquer tipo de preconceito;
5. Estimulem a violência;
6. Violem a legislação pátria;
7. Sejam falsos ou infundados;
8. Que não sejam pertinentes ao assunto da matéria;
Vale lembrar que a Constituição Federal diz no Artigo 5º, IV, que é livre a manifestação de pensamento, sendo proibido o anonimato, portanto, recados ANÔNIMOS não serão levados em consideração, e serão excluídos.
Os comentários abaixo não representam a opinião do Blog do Jair Ferraz; a responsabilidade é do autor da mensagem.